Foi na segunda-feira dia 6, que o NAF Lisboa fez o último jogo a contar para a primeira fase do torneio de futsal Costa Valente, organizado pela APAF.

O jogo realizou-se na “casa” do núcleo da Póvoa de Santa Iria e o resultado, fosse ele qual fosse, já não mudava nada na tabela classificativa, acabando por ficar 3-3. Como sempre, as pessoas do NAPSI receberam-nos bastante bem.

Os quartos de final vão-se realizar no dia 15, onde aguardamos ainda com entusiasmo quem serão os nossos adversários. Dias 18 e 19, será a data para a final-four onde todos esperamos estar!

Ficam os resultados da nossa equipa durante a primeira fase:

NAF Almada Seixal 2 – 3 NAF Lisboa

NAF Lisboa 4 – 4 NAF Linha de Sintra

NAF Brandoa 1 – 2 NAF Lisboa

NAF Lisboa 3 – 4 NAF Póvoa de  Santa de Iria

NAF Lisboa 2 – 1 NAF Almada Seixal

NAF Linha de Sintra 1 – 1 NAF Lisboa

NAF Lisboa 0 -0 NAF Brandoa

NAF Póvoa de Santa Iria 3 – 3 NAF Lisboa

A nossa equipa terminou assim esta fase com 13 pontos, na 2ª posição atrás do núcleo da Linha de Sintra aos quais aproveitamos desde já desejar boa sorte no seu trajecto até à final-four.

null

É verdade caros Associados, ontem e ao fim de 4 jogos realizados o NAF Lisboa perdeu o seu 1º jogo Frente ao NAPSI (Póvoa Santa Iria).

Um jogo de grandes emoções em que Lisboa se adiantou no marcador logo no 2º minuto de jogo com o grande golo do Capitão Zé Gomes e mais tarde aos 20m por Paulo Silva. Tudo parecia correr bem mas perto do fim da 1º parte cometemos a 6ª falta e na marcação do livre de 10m a Póvoa reduz para 2-1.

Na segunda parte Póvoa entrou muito forte e rapidamente empatou o jogo. As coisas complicaram-se ainda mais quando aos 10m, Paulo Silva é expulso e com menos 1 Sofremos o 3º golo. Que grande reviravolta no jogo, Póvoa estava por cima no jogo e rapidamente marcou o 4 golo. Faltavam 7 minutos para o final e o núcleo de Lisboa não conseguia “pegar” no jogo. O mister Jorge coloca Pedro Silva a Guarda-Redes avançado e a 3 minutos do final do jogo Daniel Santos sofre uma Grande Penalidade ao que Michael responde com um grande golo. Foram 3 minutos de remates e defesas do Guarda-Redes da Póvoa mas o jogo terminou e o núcleo infelizmente não conseguiu pelo menos conquistar o empate.

Foi um grande jogo, cheio de emoções e bonitos golos. Parabéns ao nosso Capitão por o grande golo que Marcou e a toda a equipa por ter lutado até ao ultimo minuto. De salientar o Fairplay demonstrado por ambas as equipas o que seria de esperar pois somos todos árbitros.

Para a semana, Quarta-Feira às 22h temos mais um grande jogo em casa Frente a Almada-Seixal…

Contamos com o vosso Apoio.

Perante o Presidente da Assembleia Geral, Luis Estrela, tomaram ontem posse os novos elementos dos Orgãos Sociais do NAFLISBOA. Por motivos profissionais apenas faltou à chamada o novo Tesoureiro Raul Silva.

Actuais Orgãos Sociais

Assembleia Geral

Presidente: Luís Filipe Estrela Maria

Vice Presidente: Ricardo Jorge Antunes Baixinho

Secretário: José Manuel Saraiva Santos

Direcção

Presidente: José Manuel Teixeira Fontelas Gomes

Vice Presidente: Joaquim António Reis Carvalho

Vice Presidente: Aurélio Dias Pinto Afonso

Tesoureiro: Raul Miguel Oliveira da Silva

Secretária: Ana Sofia dos Santos Ribeiro

Conselho Fiscal

Presidente: João Carlos dos Santos Capela

Secretária: Adriana Maia Correia

Relator: Nelson Jorge Pires Silva Matos

 

Conforme aviso convocatório, decorreu ontem a eleição para a nova Direcção do NAF Lisboa, tendo sido apresentadas a sufrágio duas listas encabeçadas por:

 

 

 

Lista A – Luís Jesus Fernandes – Associado nº 141

Lista B – José Fontelas Gomes – Associado nº 75

Votaram 31 Associados, tendo os votos ficado assim distribuidos:

Lista A – Candidato Luís Jesus Fernandes – 7 votos

Lista B – Candidato José Fontelas Gomes – 23 votos

Votos Brancos – 1

Votos Nulos – 0

Com estes resultados, o novo Presidente eleito é  o Associado José Fontelas Gomes.

Oportunamente serão divulgados os restantes elementos que irão compor a Direcção.

 

 

Mensagem do Presidente da Mesa de Assembleia Geral do NAF Lisboa

Caros Associados,

Começo esta comunicação por agradecer a todos os associados que se disponibilizaram e exerceram o seu direito de voto neste acto eleitoral. Acto este que decorreu de forma calma e que provou a vitalidade de uma instituição que apresenta dois candidatos a votação, que comungam a mesma vontade de engrandecer e servir o NAF Lisboa.

Dou naturalmente os Parabéns, ao candidato vitorioso, José Gomes, que se disponibilizou desde a primeira hora para servir o nosso núcleo no mais alto cargo executivo. Dou igualmente um forte cumprimento ao candidato Luís Fernandes, que motivou a eleição com mais que um candidato em disputa, que se verificou pela primeira vez na história do núcleo. Quero igualmente registar a sua coragem, disponibilidade e espírito empreendedor.

Possuir um leque de associados que se assumem, participam e se disponibilizam, engrandece a nossa instituição, bem como a revitaliza, rejuvenesce e a torna mais forte.

Deixo um agradecimento especial ao ex-Presidente, Agostinho Correia, que demissionário desde dia 10 de Fevereiro de 2011, permitiu que o núcleo funcionasse dentro da normalidade disponibilizando-se para todas as necessidades da nossa instituição neste período, que se prolongará até dia 24/03/2011, dia da Tomada de Posse da nova Direcção do NAF Lisboa. Demonstrou ser um homem que deu ao núcleo milhares de horas do seu tempo, investindo no crescimento desta casa. Apoiado por uns, nem tanto por outros mas com a sua postura e espírito cooperativo será certamente respeitado por todos.

Como árbitros que também somos, assumimos sempre humildemente as nossas responsabilidades e as decisões que, muitas das vezes, corajosamente tomamos. É esta a nossa fibra e aquilo que nos qualifica. Este é um núcleo de homens e mulheres assim, que me orgulha enquanto Presidente da Mesa de Assembleia Geral e que trabalha para servir a arbitragem e os árbitros, associados ou não, de Lisboa ou de outro distrito. A arbitragem deverá estar sempre acima dos interesses pessoais ou dos próprios árbitros. Temos que disciplinadamente assumirmos com um profissionalismo dedicado, em todas as vertentes, a nossa posição enquanto homens-árbitros.

Grato pela vossa melhor atenção e disponibilidade,

Com os melhores cumprimentos,

Luís Estrela

Presidente da Mesa de Assembleia Geral do NAF Lisboa